Logo
Plantio Direto

Agricultura
Tecnologia
Informação

Área do assinante

ASSINE LOGIN
ATENDIMENTO
VIA CHAT
(54) 3311-1235

RevistaNOTÍCIAS

Chuva em excesso no início de outubro aumenta a umidade do solo mas dificulta o plantio
Data de publicação

02
Outubro
2019

Chuva em excesso no início de outubro aumenta a umidade do solo mas dificulta o plantio

Por IRGA

 

Temperatura da Superfície do Mar

Em boletim atualizado no dia 30 de setembro, o NOAA (Centro Americano de Meteorologia e Oceanografia) prevê neutralidade no Pacífico durante a primavera e verão no Hemisfério Sul. Esse padrão não indica de forma direta que o comportamento das variáveis temperaturas e precipitações ficarão dentro da média pelo país, pois a água do Pacífico terá leves variações de temperatura, apresentando valores mais baixos na primavera e mais elevados no próximo verão. Desse modo, a distribuição da chuva será irregular e o calor intenso no início da primavera do Sudeste e Centro-Oeste, enquanto chuvas volumosas ganham força no Rio Grande do Sul, prejudicando as atividades no campo.

 

Temperatura – Previsão Geral

 

Com relação as temperaturas, nos últimos dias, o frio tem persistido nas áreas produtoras do Rio Grande do Sul, esse padrão não é benéfico para o início do plantio do arroz e com as chuvas frequentes, a luminosidade solar as temperaturas vão ficar baixas no mês de outubro. O risco de geada, no entanto, diminui cada vez mais e se ocorrer nos próximos dias é de forma muito isolada em pontos mais altos do estado gaúcho.

 

Precipitação – Previsão Geral

 

A Região Sul, especialmente o Rio Grande do Sul (RS)e Santa Catarina (SC) receberão chuvas mais frequentes, volumosas e intensas em outubro. A primavera na região também não será das mais quentes, o calor acima da média predominará na maior parte do Brasil com exceção do RS, onde a metade norte do estado deverá registrar temperatura dentro do normal e a metade sul, ligeiramente abaixo da média.

 

Para as áreas produtoras de arroz do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, o cenário climático apresentado acima representa chuvas expressivas no início do plantio, em outubro. Se por um lado a boa frequência e volume da chuva favorecem a cheia nos reservatórios, garantindo água para as áreas alagadas produzirem o arroz, por outro lado, o excesso de chuva em alguns momentos será prejudicial para as atividades de plantio e até para o desenvolvimento inicial das lavouras, visto que a condição de tempo mais instável deixa as temperaturas mais baixas e diminui a disponibilidade de radiação para as lavouras.

Fonte: https://irga.rs.gov.br/chuva-em-excesso-no-inicio-de-outubro-aumenta-a-umidade-do-solo-mas-dificulta-o-plantio

Enviando

Carregando...