Logo
Plantio Direto

Agricultura
Tecnologia
Informação

Área do assinante

ASSINE LOGIN
ATENDIMENTO
VIA CHAT
(54) 3311-1235

RevistaNOTÍCIAS

Sem imagem
Data de publicação

05
Fevereiro
2018

Aumenta participação de brasileiros e americanos em rede de vanguarda do agronegócio

Brasil e Estados Unidos estão aumentando sua participação na Nuffield International Farming Network, uma instituição sem fins lucrativos, de alcance global, que reúne profissionais do agronegócio interessados em trocar experiências sobre tecnologias e gestão de ponta.

Neste ano, passam a fazer parte da rede, na condição de “Nuffieldiano”, mais três brasileiros e dois norte-americanos. Eles se juntam a mais 73 selecionados na edição 2018, a maioria produtores rurais, de outros sete países membros da rede Nuffield.                                      

Todos os selecionados são profissionais ativos no setor, com perfil de liderança, ávidos por conhecer novas formas de se produzir e de se administrar no setor, bem como por compartilhar o que vierem a aprender mundo afora.

Os processos seletivos em cada país são bastante concorridos. Ser um “Nuffieldiano” significa contar com 30 mil dólares e apoio da rede internacional para aumentar sua visão global sobre os fatores-chave do setor. Operacionalmente, o Nuffieldiano deve buscar informações de ponta sobre um tema relevante para o agronegócio do seu país durante 19 meses e divulgá-las em relatório público. Além disso, passa a ser membro permanente da rede, tendo contatos efetivos e “portas abertas” em ambientes de vanguarda do agronegócio mundial.

No Brasil, na edição 2018, foram 112 candidatos para três vagas. Diante do grande interesse e, principalmente, dos benefícios advindos do programa, os membros da Nuffield Brasil têm trabalhado para tornar a proposta da entidade conhecida por mais empresas e instituições que possam se tornar apoiadoras de um número maior de vagas.

As três vagas deste ano são viabilizadas pelas empresas: Nufarm Indústria Química e Farmacêutica (primeira parceira da Nuffield no Brasil, já em 2016/17), Grupo Bom Futuro e pelo pool formado pela Biotrigo Genética, CHT - empresa alemã de têxteis que atua em 20 países, Stara Indústria de Implementos Agrícolas, Ribersolos Laboratório de Análises do Solo e Foliar e doações dos Nuffieldianos da rede global da Nuffield International.

A iniciativa global da Nuffield International Farming Network de capacitar empresários rurais e demais profissionais ligados à agricultura ao redor do mundo é desenvolvida desde 1947, nascida com Mr. William Morris, ou Lord Nuffield, inglês que viu necessidade de contribuir para o desenvolvimento da agricultura, educação e saúde no Pós-II Guerra de modo a promover uma sociedade estável e próspera.

 

As atividades dos novos Nuffieldianos começam com uma semana na Conferência Mundial para os 78 novos participantes e outros selecionados de14 países (CSC) que, neste ano, acontece na Holanda. Na sequência, participarão da primeira grande rodada de viagens, o Global Focus Program. Durante seis semanas, em grupos de até 10 participantes, visitarão diferentes países. Posteriormente, cada um terá ainda de sete a oito semanas para viagens individuais com foco em seus projetos. No final do programa, os participantes devem apresentar um relatório escrito e, a partir de suas interações em curso, divulgar seus aprendizados de modo a promoverem implementação de soluções no mercado brasileiro.

Veja os relatórios já disponíveis: http://www.nuffieldinternational.org/live/Reports

Nos últimos 70 anos, o programa da Nuffield tem inspirado pessoas a fazerem a diferença na agricultura de seus países.  O programa é focado em capacitar produtores rurais e demais profissionais do setor, de diferentes países, por meio de viagens transformadoras, que aumentam seu conhecimento, habilidades e vontade de “fazer melhor”. Ao retornarem para suas comunidades, seus ambientes de trabalho, essas pessoas compartilham a “grande bagagem” que assimilaram.

 

Ao todo, a Nuffield International Farming Network já reúne cerca 1.800 participantes do programa integral (“Nuffieldianos”), além de milhares de outros que se integram à rede após terem participado das Conferências Anuais ou por serem sido aceitos como “membros” da instituição. Esses profissionais têm acesso a lideranças do setor agrícola mundial e grande potencial de aumentar o valor da cadeia de produção ao redor do mundo.

Enviando

Carregando...